quarta-feira, abril 11, 2007

Da Princesa Isabel, cidade.

Do Rio quero partir sem avisar, para também nunca mais voltar.

8 comentários:

Lou Mello disse...

Pelo jeito você é daquelas que vai de uma única vez. Não conheço a cidade Princesa Isabel e do Rio conheço pouco. Minha última estada ai foi há um bom tempo. Acredito que a grande mudança deve acontecer em nosso interior. Mudar a cidade é como mudar o cenário e continuar a mesma peça.

contra disse...

vai partir sempre? e quando chegar ao fim do mundo, vai para onde?

Lux Luxo disse...

Lou, é exatamente por que não consigo ser outra, senão esta mesma, que tenho de mudar ao menos o cenário. Já tentei me modificar, todas as vezes fracassei. Acho que ao invés de ter me dedicado a ouvir L. Urbana e The Smiths, devia ter me entregado ao araquetu e timbalada, pois assim minha personalidade seria um pouco alto-astral.
E Contra, quando chegar, finalmente, ao fim do mundo, volto, mas creio que não haja tanto tempo.

Alter-egos disse...

as pessoas andam com discursos parecidos.

ps: é. Meu senso de humor deve ter caído do ônibus.

Bárbara disse...

veja bem, digo, é assim quase a Barcelona supracitada

porexemplo, que pessoas, Dy?

serennus disse...

amadurecer é mandar todo o mundo se foder.

ps: (bá) eu, você. Vários que conheço. Todos sabemos disso.

Lux Luxo disse...

Os discursos são parecidos em nome do espirito do momento.

Lou Mello disse...

Tá certo. Vá para onde quiser e seja como desejar. Que tenho eu com isso. Meu único desejo para você é um grande e sonoro "Seja muito feliz!" Do jeito que for melhor para você.